sábado, 12 de julho de 2014

Sim, o Japão vai realmente construir um enorme muro de gelo em Fukushima - Tecmundo

Por Ramon de Souza 
26 mai 2014 - 16h 29

 Em setembro do ano passado, a distribuidora de energia elétrica Tokyo Eletric Power Company (TEPCO) anunciou um plano bastante audacioso para barrar o vazamento de materiais radioativos que ainda escapam da Central Nuclear de Fukushima, no Japão.
A ideia da companhia era isolar os reatores danificados pelos terremotos de 2011 usando colossais paredes de gelo, impedindo também que a água não-contaminada que circula pelas dependências se misture com os resíduos nocivos da água usada para resfriar os reatores.
Ainda que o projeto tenha parecido um tanto surreal na época em que foi anunciado, tudo indica que ele deve virar realidade em um futuro não muito distante: afinal, o órgão regulador de energia nuclear do Japão aprovou hoje (26) a construção de tal barreira. Agora, com o devido apoio do governo, a TEPCO começará a erguer a parede já no mês de junho.


Em entrevista ao site PhysOrg, um representante anônimo da companhia afirmou que a própria empresa tinha várias preocupações em relação ao projeto – incluindo a possibilidade de que o chão afundasse com o peso das instalações. Contudo, como ninguém demonstrou maiores preocupações durante a reunião de aprovação, eles concluíram que a TEPCO pode ao menos trabalhar nas primeiras partes do plano proposto enquanto trabalha para resolver alguns detalhes.
Estima-se que o investimento necessário para conclusão do muro – que terá 1,5 km de canalizações preenchidas com líquido refrigerado – seja de aproximadamente US$ 470 milhões. Não há datas estimadas para o término das obras.
FONTE(S)
IMAGENS

Nenhum comentário:

Postar um comentário